Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

ESTADO SOCIAL

respigos e reflexões sobre o território e a sociedade

Sortear a democracia ou pressão alta?

08.05.14

«Talvez seja útil confrontar os partidos com gente fora das suas reservas de caça, mais livre e solta para pensar»

António José Teixeira, Expresso 8/05/2014 

 

 

 

Percebe-se a provocação de António José Teixeira, um dos mais lúcidos analistas da vida política portuguesa. Perante os sinais de esgotamento do funcionamento do sistema (democrático representativo e das suas instituições) somos levados a procurar respostas fora do «rectângulo de jogo» na esperança que os novos actores tragam alguma «lufada de ar fresco» que contribua para oxigenar o ambiente pesado em que vivemos.

Admito a necessidade desses novos protagonistas e de procurarmos encontrar formas menos comuns de os chamar a jogo. Mas talvez valha a pena não negligenciar alguns exemplos da história recente da democracia participativa - orçamentos participativos, por ex. - para perceber a forma como o «sistema» adoptou essas novidades e lhes deu protagonismo mediático sem que nada de substancial tenha mudado. 

Talvez a solução passe por continuar manter a «pressão alta».